Qual é o passaporte mais poderoso do mundo?

passaportes enfileirados

Uma coisa que já tinha ideia, mas descobri com a viagem, é que o passaporte brasileiro é muito bom para viajar. Somos liberados de visto em quase 150 países e isso é fantástico!

Pois bem, existe algo chamado “The Global Passport Power Rank” que é basicamente um classificação dos passaportes mais poderosos do mundo, baseado na quantidade de países cujo aquela passaporte consegue abrir portas sem a necessidade de visto, ou com um visto adquirido na chegada ao país (como é o caso de nós brasileiros no Egito, Líbano, etc).

E pela primeira vez na história, um país asiático encabeça a lista!

Com impressionantes 159 países sem necessidade de visto, a Singapura lidera o ranking de passaporte mais poderoso do mundo

Com o Paraguai tendo retirado a obrigatoriedade de visto para os singapurianos, o país alcançou o patamar de primeira posição, ultrapassando a Alemanha – cujo passaporte está isento de visto em 157 países – e Suécia – com visto liberado em 158 países.

Essa classificação é feito pelo Arton Capital e leva em consideração 193 passaportes que fazem parte das Nações Unidas.

Com o novo posto, o governo da Singapura anunciou que vai redesenhar o passaporte bem como implementar novos recursos de segurança.

Ah, uma coisa bacana que aprendi até pouco tempo e você pode achar interessante. Você sabe o que significa a cor dos passaportes? Pois é, eu também não sabia…(rs)

Existem parâmetros oficiais para a configuração e tonalidade dos passaportes e eles são definidos pela Organização da Aviação Civil Internacional. Atualmente os passaportes são produzidos em quatro cores: vermelho, azul, verde e preto. Daí o país escolhe a partir de questões e interesse geopolíticos.

Bem, tudo isso quer dizer que o cara da imigração no país onde você estiver chegando já vai ter algum juízo sobre você só de ver a cor do seu passaporte.

Os passaportes vermelhos eram usados por países comunistas, como China, Rússia e Bulgária. Com os anos a cor perdeu esse viés. Hoje são usados pelos países membros da União Europeia. A Turquia mudou recentemente a cor do passaporte, meio que para se enturmar, por assim dizer. (rs) A Comunidade Andina também tem passaporte vermelho, já que esses países – Colômbia, Bolívia, Peru e Equador – tinham interesse de entrar na União Europeia.

Já os passaportes azuis, como o nosso, são usados pelos países do Caribe e países do Mercosul. A única exceção é a Venezuela que ainda segue com o passaporte vermelho pelo interesse do país em participar da União Europeia. Os Estados Unidos mudaram o passaporte para o azul marinho que possuem hoje em 1976. Parece que tudo foi pra combinar com o tom azul da bandeira…pois é. (rs)

Mas eles já tiveram passaportes vermelhos, verdes e pretos! E depois falam que o Brasil que é bagunça! (rs)

Bem, por falar em passaporte verde, eles são utilizados na grande maioria pelos estados islâmicos, que optam pela cor por sua importância no Islamismo. Mas também é possível ver passaportes verdes em países que fazem parte da Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental.

Sobre os passaportes pretos, não são muito comuns e os países que pesquisei que optaram por essa cor ser considerada uma cor nacional. No site do ranking dos passaportes tem um mapa interativo que diz a cor de passaporte em cada país. =)

Mapa com as cores dos passaportes

Uma outra curiosidade…parece que o passaporte brasileiro é um dos mais valiosos no mercado negro. Isso porque brasileiro não tem cara, ou seja, praticamente qualquer um pode ser brasileiro já que temos tanta mistura. E também porque somos isentos de visto em exatos 144 países.

Os dois fatores aliados são sinônimo de sucesso no mercado negro. Então, muito cuidado com seu passaporte quando estiver viajando. Já o passaporte do Afeganistão é o menos poderoso do mundo, pois só tem isenção de visto em 22 países, Brasil não é um deles.

Por fim, além dos novos recursos de segurança, o passaporte de Singapura também será redesenhado para incluir páginas de visto com marcos locais como os Jardins Botânicos de Singapura, Marina Barrage, Jardins à Beira Mar, Singapore Sports Hub e Punggol New Town.

E isso me fez lembrar de um dos passaportes mais lindos que já vi – infelizmente não pessoalmente, ainda – no mundo, o passaporte canadense que tem até efeitos fantásticos sob a luz negra. Babo nessas coisas, confesso. (rs)

Pasaporte Canadense na Luz negra
Vai dizer que não é um arraso esse passaporte?

Espero que o post tenha sido divertido e útil pra você. =) Já que você está por aqui, sinta-se em casa para explorar o blog. Tem relato da nossa viagem de volta ao mundo que começou em 2015 lá na Rodoviária Tietê e atualmente está na Turquia.

Quando minha vida saiu dos trilhos percebi que podia ir pra qualquer lugar. Virei mochileira depois dos 30 e criei o blog pra contar sobre essa aventura.

17 Comments

  1. Eu tenho passaporte português e considero-o um dos melhores do mundo. Para além de permitir entrar em imensos países, é um privilégio ser português. Todos gostam dos portugueses e somos bem tratados em qualquer parte do mundo.

    1. Que bacana, Carla. =)
      Eu vi que Portugal realmente tem um passaporte muito bom. Acho que portugueses e brasileiros são as cidadanias mais “gente boa”, todos gostam de nós, né? =)
      Conheci uma portuguesa em Datça (Turquia) muito bacana, super simpática e prestativa. <3

    1. Puxa, imagino como devem ter vários diferentões. Eu sempre fico bizolhando o das pessoas em filas, mas como não conheço, pega mal pedir pra ver, né? rs
      Esse do Canadá eu queria muito ver pessoalmente um dia… <3

  2. Na realidade o Brasil usa a politica da recidividade ou seja,países que não exigem vistos de brasileiros os cidadãos destes países também tem a isenção de vistos para adentrarem a Terra Brasilis.
    Bjs ao casal !!

  3. Adorei!
    Algumas destas informações eu conhecia (sobre nosso passaporte ser o mais valioso no mercado negro), pois um amigo meu, brasileiro de familia japonesa, sofre quando sai do paìs (muitos acham que ele pode estar com passaporte falso).
    Sobre as cores, eu achava que era para identificar blocos econômicos, o que me espanta saber que hà países da Am. do Sul com o passaporte vermelho!
    Enfim, otimo post!

  4. Amigo essa curiosidade eu não sabia mesmo, nem tinha ideia de qual passaporte era mais poderoso e que era o da Singapura! Legal seu post! E que lindo esse tanto de passaporte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.